Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O “twitaço”, que tem como hashtag #afavordavida, começou na noite da terça-feira, no Twitter, por causa da votação hoje, 11, no Supremo Tribunal Federal (STF), do julgamento da ação para o aborto de fetos anencéfalos — com má-formação cerebral. .

A manifestação faz parte das iniciativas realizadas pela sociedade civil para manifestar-se quando a contrariedade da permissão do aborto. A hashtag chegou a ficar em primeiro lugar nos Trending Topics — tópicos mais comentados — no Brasil e entre os dez do mundo. Durante o julgamento, outros tópicos como “Fux” (Luiz Fux, presidente do tribunal) e “STF”, se mantiveram em destaque.

As 17h, quando a seção foi interrompida por duas horas, com voto da magistrada Cármen Lúcia, o placar chegou 5 a 0 pela liberação aborto de anencéfalo. Mais cedo, depois de um voto de duas horas e meia do ministro-relator Marco Aurélio, também se mostrou favorável à descriminalização.

Antes disso, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) convocou a população a manifestar-se contra o aborto, especialmente através de vigílias de oração em capelas e paróquias.