Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Terça e quarta-feira (26-27/06), o Grupo de Reflexão para o Sínodo Amazônico, composto por 17 pessoas, está reunido em Brasília para analisar o processo de preparação e articular as novas fases, após a publicação do Documento Preparatório, em 8 de junho passado.

Segundo Ir. Maria Irene Lopes, assessora da Comissão Episcopal para a Amazônia, secretária executiva da REPAM-Brasil e única mulher do Conselho pré-Sinodal, este Grupo foi criado em vista do árduo trabalho previsto até outubro de 2019, data marcada pelo Papa para a realização do Sínodo, no Vaticano. A Assembleia Especial terá o tema “Amazônia: novos caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral”.

Irmã Irene, que representa também Confederação Latino-Americana e Caribenha de Religiosos e Religiosas (CLAR) no Conselho, afirma:

“ Serão ouvidas as vozes que vêm da Amazônia e devemos uni-las às vozes do Sínodo ”

Dom Leonardo Steiner, Secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), também participará de alguns momentos da reunião, que buscará caminhos para um envolvimento ainda maior do Episcopado e de outras realidades no Sínodo.

Em declaração ao Vatican News, Irmã Maria Irene Lopes esclarece a importância desta reunião.  Escute aqui:

Por Vatican News.