Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

No próximo domingo, 18, a Catedral Diocesana de Criciúma dá início às festividades em honra ao padroeiro São José Esposo. Como de costume, a missa inicia às 19h, seguida pela procissão com a imagem do santo até a Capela do Hospital São José, onde é concedida a benção final aos fieis.

No dia do padroeiro, 19 de março, uma alvorada festiva com fogos de artifício e repique dos sinos despertará os criciumenses às 06h. Logo mais, às 07h30, será celebrada a Missa dos Esposos e depois a Adoração ao Santíssimo Sacramento, que acontecerá durante todo o dia. Às 12h30 é a vez da Missa dos Trabalhadores e às 18h, de volta ao Hospital São José, o Terço dos Homens, dedicado ao pai da Sagrada Família. Após a celebração, às 19h30, haverá saída da procissão com a imagem do padroeiro da Diocese. A Missa Solene dedicada às famílias é realizada no salão da Catedral às 20h, com a benção das chaves das casas.

Festa continua em abril e maio

Conforme o pároco da Paróquia São José, padre Antonio da Silva Miguel Júnior, a parte social da festa religiosa ocorre nos próximos meses, a partir da reabertura da Catedral Diocesana, marcada para às 18h do dia 28 de abril.

No feriado de 1º de maio, dedicado ao Trabalhador e a São José Operário, haverá missas na Catedral. As festividades com bazar e alimentação ocorrem entres os dias 04 e 06 de maio.

– Queremos deslocar a parte social da festa de dentro do tempo da Quaresma -, explica o pároco.

Com informações da Diocese de Criciúma