Um dos momentos aguardados na programação da 61ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) é a instituição do ministério de catequistas a 19 cristãos de todos os regionais. O rito acontece dentro da celebração eucarística deste sábado, 13, no Santuário Nacional, a partir das 7h, com transmissão pela TV Aparecida e canais da CNBB.  

Formado majoritariamente por mulheres, os catequistas que serão instituídos neste sábado representam uma diversidade de culturas, experiências religiosas e vivências na transmissão da fé.  

  • Regional Norte 1 – Deolinda Melquior da Silva, da diocese de Roraima (RR) 
  • Regional Norte 2 – Maria Izabel Tavares de Lima Costa, da diocese de Castanhal (PA) 
  • Regional Norte 3 – Pollyenne Sobrinho Rosa de Farias, da diocese de Miracema do Tocantins (TO)  
  • Regional Noroeste – Marlene Gissela Müller, da arquidiocese de Porto Velho (RO)  
  • Regional Nordeste 1 – Efigênia Alves da Costa, da diocese de Tianguá (CE)  
  • Regional Nordeste 2 – Marivone Pereira Martins, da diocese de Campina Grande (PB)  
  • Regional Nordeste 3 – Flávio Souza dos Santos, da diocese de Eunápolis (BA)  
  • Regional Nordeste 4 – Rossana Maria Ferreira dos Santos, da diocese de Oeiras (PI)  
  • Regional Nordeste 5 – Cleiane Nascimento Almeida, da diocese de Imperatriz (MA)  
  • Regional Leste 1 – Maria Cristina Drumond Bagno, da arquidiocese de Niterói (RJ) 
  • Regional Leste 2 – Sueli de Fátima da Silva, da arquidiocese de Mariana (MG)  
  • Regional Leste 3 – Maria de Lourdes Fiorido, da diocese de Cachoeiro de Itapemirim (ES) 
  • Regional Centro-Oeste – Anamar Ferreira Arrais Silva, da diocese de Goiás (GO)  
  • Regional Oeste 1 – Geronima Barbosa Marangoni, da arquidiocese de Campo Grande (MS)  
  • Regional Oeste 2 – Sirlei Maria Cichelero, da diocese de Sinop (MT)  
  • Regional Sul 1 – Maria Aparecida de Jesus Ventura, da arquidiocese de Aparecida (SP)  
  • Regional Sul 2 – Maria Lúcia Pagliari Maciel, da diocese de Umuarama (PR) 
  • Regional Sul 3 – Marlene Faleiro, da diocese de Santo Ângelo (RS)  
  • Regional Sul 4 – Regiane Dutra Freire, da diocese de Caçador (SC)  

Outros três catequistas brasileiros já receberam o ministério em celebração pelo Papa Francisco, em Roma. No ano de 2022, Regina de Sousa Silva e Wanderson Saavedra Correia, ambos da diocese de Luziânia (GO), e, mais recentemente, Maria Erivan Ferreira da Silva, da arquidiocese de Fortaleza (CE).  

 

 

Reconhecimento dos ministérios laicais  

De acordo com a assessora da Comissão Episcopal Bíblico-Catequética da CNBB, Mariana Venâncio, em entrevista ao CNBB Podcast, a celebração deste sábado é fruto de um processo desenvolvido desde a publicação do Motu Próprio Antiquum Ministerium, em 2021.

No Motu Proprio que estabeleceu o ministério de catequista, o Papa Francisco delegou às Conferências Episcopais a responsabilidade de definir os critérios e o caminho formativo para a concessão desse ministério. 

“O grupo de reflexão começou a pensar critérios e itinerários, que são a definição de quem pode ser instituído, quem ingressará para uma instituição futura e quais os itinerários formativos para ambos os grupos”, afirmou.  

Junto com todo o trabalho de formação e preparação dos catequistas, Mariana comentou que o rito que será seguido neste sábado foi traduzido pela Comissão de Liturgia e confirmado pelo Vaticano em janeiro de 2023. A partir daí, foi considerada a relevância de se fazer um momento público para instituição dos catequistas.  

“Nós discernimos que na Assembleia seria um momento importante para a instituição. Uma forma de afirmar a comunhão do episcopado com o Papa Francisco na valorização dos ministérios laicais e uma forma de mostrar como o episcopado brasileiro deposita nos catequistas uma grande esperança na formação de novos discípulos missionários e na continuidade das comunidades.”

Acompanhe aqui a celebração de instituição do ministério de catequistas:

Acompanhe a íntegra da quarta edição do CNBB Podcast 

Foto da capa: Detalhe da Santa Missa no Domingo da Palavra de Deus deste ano presidida pelo Papa Francisco  (Vatican Media)

Com colaboração de Marcus Tullius (Pascom Brasil) | Comunicação da 61ª AG CNBB