Luiza Scardua, coordenadora do Núcleo de Práticas de Justiça Restaurativa do CDHEP em Cascavel, PR.

Luiza Scardua apresenta etapas dos conflitos, que iniciam com um pequeno incômodo pessoal e chegam a criar grupos antagônicos. (Marcelo Luiz Zapelini/Agência Sul 4)