Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A ‘Animação Bíblica da Pastoral a partir das comunidades eclesiais missionárias’ foi tema da primeira assessoria da 53ª Assembleia Regional de Pastoral da CNBB Sul 4, a partir do Estudo número 114 da CNBB. O momento contou com a assessoria da irmã Isabel Patuzzo, da Comissão Episcopal para a Animação Bíblico-Catequética, que fez uma explanação do texto de estudo apresentado na 58ª Assembleia Geral da CNBB, em abril de 2021.

De acordo com irmã Isabel, o Estudo 114 tem o intuito de contribuir para que a Igreja no Brasil avance ainda mais na relação com a Palavra de Deus. “A partir deste texto, cabe a cada regional e diocese estabelecer seu modo de aplicação, respeitando as realidades locais e ações que já existem”, destacou.

Irmã Isabel evidenciou ainda que a Animação Bíblica da Pastoral, a partir do Estudo 114, pretende que “todos os agentes evangelizadores mediante o encontro com a Palavra do Senhor passe a compreeender e interpretar a realidade com os critérios da Palavra de Deus. Esse é o caminho da conversão pastoral”.

Irmã Isabel Patuzzo. Foto: CNBB/Divulgação.

Projeto para o Regional

Após o momento formativo, foi apresentado aos participantes da Assembleia uma proposta de projeto de Animação Bíblica para o Regional Sul 4 da CNBB. O projeto foi apresentado pelo coordenador de pastoral da Diocese de Joaçaba, Padre Tiago William de Souza, Vera Regina Mazurek e Mari Luzia Hammes, membros da equipe do Serviço de Animação Bíblico da Pastoral da Comissão Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética do Regional.

De acordo com o padre Tiago, a Animação Bíblica já existe no regional e dioceses de Santa Catarina, mas não acontece como organismo próprio. “Inspirados pelo Estudo 114, nosso Regional se propôs a criar um grupo de referência na Animação Bíblica da Pastoral. Com representantes de várias dioceses catarinenses, este grupo se propõe a animar e a incentivar iniciativas que dinamizam a animação bíblica em nosso contexto eclesial”, declarou o padre.

Padre Tiago destacou ainda que, “o grupo de referência na Animação Bíblica da Pastoral da CNBB Sul 4, como indica o Documento 97 da CNBB: “Discípulos e Servidores da Palavra de Deus na Missão da Igreja”, subdivide-se em três eixos e, tendo o pilar da Palavra como centro, propõe-se a animá-la por meio de três dimensões: Oração, Formação e Anúncio”.

O projeto foi aprovado por unanimidade pela Assembleia e agora irá para o processo de adaptação das várias realidades locais. Em cada dimensão do projeto de Animação Bíblica da Pastoral do Regional Sul 4 da CNBB são propostas iniciativas de ação para que o processo possa ser difundido em todos os âmbitos da ação evangelizadora:

1) Eixo da Formação

a) Escola Bíblica com Jovens: em parceria com a Comissão Pastoral para a Juventude, proporcionar encontros de estudo e aprofundamento da Palavra de Deus, com um olhar específico para as juventudes.

b) Seminário do Mês da Bíblia: reunir os animadores bíblicos para um momento anual de estudos e formação sobre a proposta para o Mês da Bíblia, para que estes possam dinamizá-lo nas dioceses.

c) Encontro de Assessores e Animadores Bíblicos: promover em âmbito Regional encontro de formação e partilha para assessores bíblicos e coordenadores das Escolas Bíblicas existentes, com partilha de experiências, metodologias, materiais, etc.

2) Eixo do Anúncio

a) Encontro com Coordenadores e Redatores dos Grupos de Reflexão/Família: com nomenclaturas diferentes, estes grupos existem nas dez dioceses do Regional Sul 4. A proposta é a realização de um Encontro Regional com Coordenadores e Redatores diocesanos dos Grupos de Reflexão/Família e representantes dos animadores dos Grupos Bíblicos, para refletirem a caminhada, partilharem experiências, avaliarem as metodologias utilizadas. Temos uma riqueza enorme de conteúdos produzidos, mas que muitas vezes não se comunicam entre si. O anúncio da Palavra encontra nos Grupos de Reflexão/Família a sua maior capilaridade.

3) Eixo da Oração

a) Leitura Orante: propor e oportunizar o exercício da Leitura Orante como um método pessoal e comunitário de oração.

b) Oficina de Oração e Vida: fortalecer a criação e a expansão das Oficinas de Oração e Vida em todas as dioceses do Regional.

c) Liturgia e a Palavra: em parceria com a Comissão Pastoral para a Liturgia, promover e oportunizar a celebração da Liturgia das Horas / Ofício Divino das Comunidades e a celebração da Palavra de Deus.

Foto: Franklin Machado/CNBB Sul 4

Segundo dia

A Assembleia de Pastoral do Regional Sul 4 da CNBB continua na noite desta sexta-feira, 20 de agosto. O primeiro momento da noite contará com uma análise de conjuntura eclesial com o tema ‘A evangélica opção preferencial pelos pobres’, conduzida pelo padre Alfredinho Gonçalves, do Serviço Pastoral do Migrante (SPM). O segundo dia ainda contará com um painel intitulado ‘As últimas novidades do pontificado de Francisco’, um espaço de aprofundamento das reformas e temáticas trazidas pelo Papa:

  • Ministérios 
  • Código de Direito Canônico 
  • Assembleia Eclesial da América Latina e do Caribe
  • Sínodo dos Bispos 2023
  • Ano “Família Amoris Laetitia”
  • Motu Proprio “Traditionis Custodes”