Relações e novas metodologias: o ver do Texto-Base da Campanha da Fraternidade 2020

“VIU, sentiu compaixão e cuidou dele”- A manhã deste sábado, 31 de novembro, no Seminário Regional da Campanha da Fraternidade 2020, foi de formação sobre a primeira parte do Texto-Base da Campanha. O evento, que acontece no Centro de Formação Católica de Lages (SC), reúne representantes das dez dioceses do Regional Sul 4 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Padre Danilo Vitor Pena. Foto: Franklin Machado/CNBB Sul 4.

O assessor do Seminário, padre Danilo Vitor Pena, do clero da diocese de Jacarezinho (PR), trouxe os principais elementos da primeira parte do texto que apresenta um paradoxo entre o olhar atencioso de Jesus Cristo e o olhar humano que muitas das vezes trazem a indiferença que ameaça, abandona e destrói a vida e a natureza. De acordo com padre Danilo, a partir do objetivo geral, o grande desafio da Campanha em 2020 é conscientizar, à luz da palavra de Deus, para o compromisso com a vida que se traduz através das relações. “É necessário perceber que as relações estão interligadas. O mesmo olhar que destrói o ser humano destrói a natureza. Nosso compromisso é com a vida que se traduz nos laços humanos que promovem o cuidado com o outro e com a Casa Comum ”, declarou.

Padre Danilo Pena disse ainda, que, “é necessário a partir da Campanha da Fraternidade o surgimento novas metodologias pastorais. A defesa e o cuidado pela vida não são papel apenas de algumas pastorais específicas, mas de toda a ação evangelizadora”. Durante a fala, o padre também apresentou dados sobre a desigualdade social e econômica; desemprego; doenças emocionais e o suicídio; feminicídio; conflitos no campo; intolerância virtual e questões ligadas à vida do nascituro, da criança e do adolescente. Assuntos que estão ligados profundamente ao dia a dia da vida social e eclesial das comunidades e que necessitam de ações diretas de atenção e cuidado.

Dom Guilherme Antônio Werlang. Foto: Franklin Machado/ CNBB Sul 4.

Unidade – Quem marcou presença no Seminário foi o bispo de Lages e presidente da Comissão Pastoral para a Ação Sociotransformadora do Regional Sul 4 da CNBB, dom Guilherme Antônio Welang. O bispo destacou aos participantes a importância do encontro regional para a unidade na caminhada pastoral para a Igreja em Santa Catarina. “É a partir de espaços com este do Seminário que nossa igreja catarinense, na unidade, abraça ainda mais o compromisso e a defesa da vida, dom de Deus, proposta pela Campanha no próximo ano”.

Texto-Base – Cada participante do Seminário Regional recebeu um exemplar do Texto-Base que faz parte do material formativo da Campanha. Dividido em três parte, dentro da metodologia Ver-Julgar-Agir, o texto traz como pano de fundo a parábola do Bom Samaritano, com uma reflexão aprofundada sobre as relações criadas a partir do compromisso e cuidado com a vida.

Em 2020, a Campanha da Fraternidade tem como tema ‘Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso’ e lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10, 33-34). O texto base está disponível para vendas no site das Edições CNBB.

O Seminário Regional da Campanha da Fraternidade da CNBB Sul 4 vai até amanhã, 1 de dezembro. Confira outras notícias e fotos do evento através das nossas redes sociais.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário

CALENDÁRIO

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› » 

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!

Share This