Termina o 5° Encontro Nacional da Pastoral da Comunicação em Aparecida (SP)

Visita guiada ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida esteve na programação do evento. (Luiz Fernando Garcia/Pascom)
Visita guiada ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida esteve na programação do evento. (Luiz Fernando Garcia/Pascom)
O tema Comunicação e Liturgia orientou conferências como “Comunicação e Anúncio da Palavra”, “Comunicação e Linguagem Visual” e “Comunicação e Espaço Sagrado”.

Mais de 900 agentes da Pastoral da Comunicação (Pascom) e da Pastoral Litúrgica participaram do 5º Encontro Nacional da Pascom, realizado em Aparecida (SP), entre os dias 14 e 17 de julho. No encerramento, o presidente da Comissão Episcopal para a Comunicação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Darci José Nicioli, disse que os comunicadores cristãos devem estar atentos à espiritualidade.

— Este encontro reafirmou, com ampla participação e entusiasmo, a transversalidade da Pastoral da Comunicação. Existimos para servir as outras pastorais da Igreja. Precisamos, cada vez mais, nos qualificarmos para ajudar as outras pastorais no enfrentamento do santo desafio de comunicar Jesus Cristo, com eficiência e fervor—, avaliou.

Antes disso, no dia 15, dom Nicoli, que é presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), indicou que a comunicação tem o poder de criar pontes e de favorecer o encontro e a inclusão.

— Como é bom ver pessoas esforçando-se por escolher cuidadosamente palavras e gestos para superar as incompreensões, curar a memória ferida e construir a paz e harmonia. As palavras podem construir pontes entre as pessoas, as famílias, os grupos sociais, os povos. Isto é obra da força do Espírito Santo —, analisou o arcebispo de Diamantina.

No mesmo dia, o frei José Ariovaldo da Silva, doutor em Liturgia, abordou o tema “Comunicação Litúrgica: Ação Sinergeticamente Divino – Humano”, na conferência de abertura. “Muitas vezes a Comunicação Litúrgica vem sendo confundida com o simples uso e a pura técnica de comunicação na liturgia, proporcionando assim, um acumulo de barulhos, discursos e movimentos e que pouco expressa o sacramento Pascal litúrgico”, alertou.

Profundidade

O assessor da Comissão Episcopal para a Comunicação da CNBB, padre Rafael Vieira, que coordenou o encontro, avaliou como “excepcional” o evento, que teve participação de representantes dos 18 regionais da Conferência. “Uma demonstração explícita de que a Pascom quer seguir unida em todo o país”, afirma o padre.

Padre Rafael conta que a parte de formação do encontro foi profunda. “Os especialistas que vieram nos ajudar trouxeram conteúdos muito importantes para diálogo entre comunicação e liturgia”, ressalta

A estrutura do encontro ajudou na participação de todos, de acordo com o assessor. Na proposta, os coordenadores regionais da Pascom foram responsáveis por conduzir e animar o evento.

O próximo compromisso da entidade acontece ano que vem, em Santa Catarina. As informações 10° Mutirão Brasileiro de Comunicação (Muticom). As informações já estão disponíveis no site do evento.

CALENDÁRIO

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› » 

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!

Share This