Padre Adenir José Ronchi fica à frente da diocese de Joinvillle até chegada do novo bispo

Padre Adenir José Ronchi assume a função até que novo bispo seja nomeado. (Diocese de Joinville/Divulgação)
Padre Adenir José Ronchi administra a diocese enquanto a Sé permanece Vacante. (Diocese de Joinville/Divulgação)
Não há data para nomeação do sucessor de dom Irineu Roque Scherer, morto por infarto no miocárdio, sábado

O Colégio de Consultores da Diocese de Joinville elegeu padre Adenir José Ronchi como Administrador Diocesano, em sua reunião nesta terça-feira, 05. Em seguida, o padre foi apresentado aos funcionários, no auditório da Cúria Diocesana, aos quais prometeu trabalhar para “construir uma Igreja viva e alegre”.

Durante sua administração, ele não deve realizar nenhuma inovação, nem realizar ato que possa trazer prejuízo à diocese ou aos direitos episcopais, não poderá remover o Vigário judicial, nem convocar o Sínodo Diocesano — assembleia de párocos e fiéis convocada pelo bispo.

Com 57 anos de idade e 28 de sacerdócio, padre Ronchi, é responsável Seminário Filosófico de Santa Catarina e desde 2011 exercia a função de Vigário Geral da diocese.

As atribuições do administrador diocesano:

  • Assume o poder sobre a diocese no momento da aceitação da sua eleição.
  • Ele pode confirmar ou instituir presbíteros que tenham sido legitimamente eleitos ou apresentados para uma paróquia.
  • Pode administrar a Crisma e pode conceder a um outro presbítero a faculdade de administrá-la.
  • Pode remover, por justa causa, os vigários paroquiais, salvos, contudo, o que é prescrito no caso específico tratando-se de religiosos.
  • Em caso de necessidade, somente ele pode acessar o Arquivo secreto da Cúria.
  • No período em que rege a diocese o administrador diocesano é membro da Conferência Episcopal, com voto deliberativo.

Os deveres do administrador diocesano:

  • Assume o poder sobre a diocese no momento da aceitação da sua eleição, devendo proferir a Profissão de Fé diante do Colégio de Consultores.
  • Do momento em que assume o governo da Diocese, o administrador possui todos os poderes do Bispo diocesano, em particular deve residir na diocese e aplicar, a cada domingo e nos dias de preceito, a Missa pelo povo.
  • O administrador Diocesano deve guardar com particular diligência todos os documentos da Cúria diocesana sem modificar, destruir ou subtrair algum.

Com informações do Portal da Diocese de Joinville

CALENDÁRIO

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› » 

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!

Share This