Diocese de Criciúma mantém prioridades na ação pastoral em 2016

Iniciativas concentraram-se na evangelização das famílias e fortalecimento do vínculo de pertença à comunidade (Foto: Assessoria de Imprensa da Diocese de Criciúma)
Iniciativas concentraram-se na evangelização das famílias e fortalecimento do vínculo de pertença à comunidade (Foto: Assessoria de Imprensa da Diocese de Criciúma)
Relatório apontou que mais de 70%, das ações planejadas foram desenvolvidas pelas comunidades

No próximo ano, a Ação Pastoral da diocese de Criciúma (SC) será direcionada pela temática “Família e Comunidade”. Na 20ª Assembleia Diocesana de Pastoral, representantes de 32 paróquias e 27 serviços e movimentos votaram pela continuidade do projeto com famílias.

A coordenação diocesana de pastoral apresentou os resultados das atividades propostas, constatando que mais de 70%, das ações planejadas foram desenvolvidas pelas comunidades.

As iniciativas concentraram-se na evangelização das famílias e fortalecimento do vínculo de pertença à comunidade eclesial, na dinamização das comunidades como lugares de vivência da fé e nos Grupos de Famílias.

“Nós vamos mudar o mundo, se deixarmos Deus agir em nós. Como no Evangelho, precisamos lançar as redes para águas mais profundas e confiar na presença do Espírito Santo em nossas vidas, para que a Igreja possa crescer e dar muitos frutos, conforme a sua vontade”, disse bispo diocesano, dom Jacinto Flach, na Assembleia.

O bispo recordou, também, a missão dos mártires da Igreja, fazendo referência à Santo Inácio de Antioquia. “Agora é a nossa vez de darmos testemunho. Os mártires suportaram tudo, porque valia a pena. O martírio direto é reservado para alguns, o nosso é para o dia a dia. Estamos aqui entregando para a Igreja do Senhor a nossa vida. Isso deve ocorrer de forma autêntica, não para a promoção pessoal, mas por amor e para a glória do Senhor”, acrescentou.

Para o próximo ano, estão previstas atividades de evangelização com as famílias, a partir das orientações do Sínodo dos Bispos e do magistério da Igreja. Haverá, ainda, intensificação da leitura orante da Bíblia, acompanhamento de grupos de jovens, visitação e solidariedade entre comunidades, além do incentivo ao projeto “Paróquias Solidárias” desenvolvido pela diocese.

Na programação do Ano da Misericórdia 2016, constam estudos, nas paróquias, sobre a bula papal “Misericordiae Vultus” (O Rosto da Misericórdia). Uma comissão, formada por padres e leigos, organizará calendário com celebrações e gestos concretos nas comunidades.

CALENDÁRIO

SuMoTuWeThFrSa

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹nov 2020› » 

Assine a nossa newsletter

Junte-se à nossa lista de correspondência para receber as últimas notícias e atualizações de nossa equipe.

You have Successfully Subscribed!

Share This